segunda-feira, 25 de maio de 2015

Morte de cão em Canil Municipal vira caso de polícia em Ibiá

O cão foi recolhido doente em rua da cidade e recebia tratamento veterinário no local.
Imagem: ACV/Divulgação Facebook
A morte de um cão, ocorrido no último sábado (23), deixou várias pessoas comovidas em Ibiá.
O caso aconteceu no Canil Municipal da cidade e está sendo investigado pela Polícia Civil de Ibiá.
O cão foi encontrado quando integrantes da Associação Cão e Vida (ACV), se preparavam para fazer a limpeza do local, através de mutirão organizado pela própria entidade. O animal foi encontrado com uma grande abertura em seu abdome e estava sem uma das patas e grande parte de seus órgãos vitais.
Consternado com o episódio, o prefeito de Ibiá, Hélio Silveira (PP), convocou uma reunião, para discutir o caso. A reunião ocorreu na tarde desta segunda-feira (25), no prédio administrativo da Prefeitura e contou com as participações do Coordenador da Vigilância em Saúde, responsável pelo canil, Luiz Fernando Machado, da veterinária da Vigilância, Patrícia Massuda, com representantes das Polícias Civil e Militar e outros membros da administração pública. A reunião serviu para tratarem de assuntos relacionados ao ocorrido no canil. Outras reuniões deverão ser marcadas para os próximos dias, com a intenção de encontrar soluções adequadas, visando maior proteção durante o abrigo diurno e noturno destes animais.
Um Boletim de Ocorrência foi lavrado a fim de averiguar as responsabilidades do fato.
A prefeitura informou, através de seu portal na internet, que fornece alimentação adequada, cuidador e médico veterinário durante toda a semana, e que a atual gestão desconhece outros casos desta natureza.
De acordo com Luiz Fernando, atualmente existem 20 animais residindo no canil e todos eles recebem assistência durante toda semana, inclusive aos sábados e domingos.
Os cães, na maioria dos casos, doentes ou machucados, são recolhidos nas ruas da cidade e levados para o canil, onde são medicados e, dependendo da gravidade do caso, são encaminhados para clinica veterinária para tratamento.
Luiz Fernando se colocou a disposição de qualquer pessoa que queira visitar o recinto e conhecer o trabalho da entidade.
Em nota a ACV informou que está desenvolvendo um projeto, juntamente com o executivo, voltado para a vida desses animais e que apoia as ações da Prefeitura de Ibiá e espera esclarecer, o quanto antes, esse fato lamentável ocorrido no canil da cidade.
A parceria da ACV com a prefeitura é recente e o projeto não tem fins lucrativos. 

domingo, 24 de maio de 2015

TCE-MG realizará auditoria na Prefeitura de Ibiá


A Prefeitura Municipal de Ibiá está na lista das prefeituras que serão auditadas pelo Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCE-MG). Outras 10 prefeituras do estado e três órgãos municipais também fazem parte da lista do TCE-MG (veja lista no final desta notícia).

Os locais determinados para a realização das auditorias foram definidos através de sorteio público, ocorrido na manhã do último dia 11 de maio e correspondem a 20% dos órgãos e entidades inadimplentes com o Sistema Informatizado de Contas Municipais (Sicom).

De acordo com o TCE-MG, foram escolhidas aleatoriamente, 11 prefeituras e três órgãos municipais, de um total de 53 prefeituras e 13 órgãos, que na data limite para a prestação de contas anual, 31/03/2015, não haviam encaminhado as remessas referentes ao acompanhamento mensal de 2014 ou os documentos exigidos pela Instrução Normativa 03/2014, editada pelo TCE-MG, que estabelece diretrizes para a prestação das contas de 2014 dos prefeitos. 

De acordo com a Superintendente de Controle Externo, Cláudia Costa, todas as auditorias serão realizadas in loco. O objeto da investigação, a ser cumprido pelos analistas, é sigiloso e varia de acordo com a natureza do auditado. “Faremos o controle concomitante (simultâneo), verificando como os recursos são aplicados, em bem da sociedade”, disse a gestora. 
 
Painel eletrônico do TCE mostra momento em que a Prefeitura de Ibiá é sorteada
O sorteio foi efetuado eletronicamente por um sistema desenvolvido pela Diretoria de Tecnologia da Informação (DTI) do Tribunal, especialmente para a ocasião. O Procurador Geral do Ministério Público junto ao TCEMG, Daniel de Carvalho Guimarães, acompanhou o procedimento. Também estavam presentes Cristiana Prates, Diretora de Controle Externo dos Municípios; Joana Regadas, da Assessoria da Diretoria-Geral; Alcimar Bonomi, Diogo Mendes e Marcus Saliba, todos da DTI; e o advogado Marcelo Teixeira.

A prefeitura de Ibiá alega que todas as informações relativas à prestação de contas do ano de 2014, foram enviadas dentro do prazo estipulado, cumprindo desta forma, todas as exigências do TCE-MG, conforme notícia publicada pelo Portal Ibiá em Foco. (leia a notícia no link abaixo)
Prefeitura confirma envio da prestação de contas de 2014 dentro do prazo

ÓRGÃOS SORTEADOS
INSTITUTO DE PESQUISA E POLITICA URBANA DE BETIM
FUNDAÇÃO DE ENSINO DE CONTAGEM
FUNDO DE PREVIDÊNCIA DE CONTAGEM

PREFEITURAS SORTEADAS
PREFEITURA MUNICIPAL DE CHAPADA GAÚCHA
PREFEITURA MUNICIPAL DE DORES DO INDAIA
PREFEITURA MUNICIPAL DE BRUMADINHO
PREFEITURA MUNICIPAL DE MONTE CARMELO
PREFEITURA MUNICIPAL DE CHALE
PREFEITURA MUNICIPAL DE CARATINGA
PREFEITURA MUNICIPAL DE CONCEIÇÃO DAS ALAGOAS
PREFEITURA MUNICIPAL DE MANHUAÇU
PREFEITURA MUNICIPAL DE POCRANE
PREFEITURA MUNICIPAL DE TRÊS CORAÇÕES
PREFEITURA MUNICIPAL DE IBIÁ

quarta-feira, 20 de maio de 2015

Prefeitura confirma envio da prestação de contas de 2014 dentro do prazo

As prestação de contas referentes aos meses de janeiro e fevereiro já foram encaminhadas ao TCE e os meses de março e abril estão dentro do prazo vigente.

A Prefeitura Municipal de Ibiá, através de sua Assessoria de Imprensa, se manifestou acerca da divulgação da matéria “Prefeito de Ibiá pode ser multado pelo TCE”, publicada pelo Portal Ibiá em Foco no dia 12 de abril deste ano.

A notícia destacou a inclusão da Prefeitura de Ibiá na lista dos 53 municípios que ainda não haviam encaminhado ao Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCE) a prestação de contas referente ao ano de 2014.

Para evitar multas e outras sanções impostas pelo TCE, os prefeitos deveriam ter enviado a documentação até a data limite de 31/03/2015.

De acordo com a prefeitura, o município cumpriu todas as determinações do TCE, e as informações referentes a prestação de contas relativas ao ano de 2014, foram enviadas dentro do prazo exigido pelo Órgão (confira nas imagens a seguir).


  Clique nas imagens pra ampliá-las


quinta-feira, 23 de abril de 2015

Casos de dengue aumentam em Ibiá

Bairro São Benedito tem o maior registro da doença, com 74 casos confirmados.

Já é considerado grave o número de casos de dengue em Ibiá. De acordo com os serviços de Zoonoses da Prefeitura, 154 casos da doença já foram confirmados na cidade somente este ano. Um número bem superior ao registrado no ano passado, quando 58 casos foram confirmados no mesmo período.  

Somente no bairro São Benedito foram registrados 74 casos da doença. Em apenas uma residência desse bairro, três pessoas contraíram a doença em uma mesma semana.

Estes números ainda podem aumentar, já que o município aguarda o resultado de outros 85 casos considerados suspeitos.

Para uma cidade que tem uma população de aproximadamente 25 mil pessoas, os números de casos confirmados até o momento, são considerados bastante elevados.

Apesar do grande trabalho realizado pela Vigilância em Saúde, que contou com a participação da equipe Força-tarefa de Combate a Dengue, do Governo Estadual, novos casos da doença não param de surgir na cidade. Quase a metade dos atendimentos no pronto socorro municipal estão relacionados com a doença.

A equipe que está trabalhando no combate a dengue, tem encontrado muitas dificuldades para realizar suas tarefas. Muitos moradores não estão permitindo a entrada dos agentes em suas residências, ou simplesmente não limpam seus lotes, fato que impossibilita a verificação e eliminação dos focos da doença.

A Prefeitura informou que está intensificando o trabalho de combate a doença, através dos agentes de saúde e de um veículo fumacê, que esta percorrendo todos os bairros da cidade.

SAIBA COMO PREVENIR A DENGUE

Você também pode fazer sua parte e colaborar para evitar que a dengue de propague ainda mais.
A ação mais simples para prevenção da dengue é evitar o nascimento do mosquito, já que não existem vacinas ou medicamentos que combatam a contaminação. Para isso, é preciso eliminar os lugares que eles escolhem para a reprodução.

A regra básica é não deixar a água, principalmente limpa, parada em qualquer tipo de recipiente.
Como a proliferação do mosquito da dengue é rápida, além das iniciativas governamentais, é importantíssimo que a população também colabore para interromper o ciclo de transmissão e contaminação. Para se ter uma ideia, em 45 dias de vida, um único mosquito pode contaminar até 300 pessoas.

Então, a dica é manter recipientes, como caixas d’água, barris, tambores tanques e cisternas, devidamente fechados. E não deixar água parada em locais como: vidros, potes, pratos e vasos de plantas ou flores, garrafas, latas, pneus, panelas, calhas de telhados, bandejas, bacias, drenos de escoamento, canaletas, blocos de cimento, urnas de cemitério, folhas de plantas,  buracos de árvores, além de outros locais em que a água da chuva é coletada ou armazenada.

É bom lembrar que o ovo do mosquito da dengue pode sobreviver até 450 dias, mesmo se o local onde foi depositado o ovo estiver seco. Caso a área receba água novamente, o ovo ficará ativo e pode atingir a fase adulta em um espaço de tempo entre 2 e 3 dias. Por isso é importante eliminar água e lavar os recipientes com água e sabão.